4 Dicas para Reduzir o Desperdício Alimentar e Viajar de Forma Mais Sustentável

Artigo escrito pela Sara e pelo João, fundadores do projeto No Footprint Nomads.

 

Sabias que 20% do impacto ambiental em viagem se deve à escolha de acomodação e alimentação? 3.3 mil milhões de toneladas de CO2 são emitidos para a atmosfera por causa do desperdício alimentar. No caso da indústria hoteleira, cerca de 1/4 de toda a comida que passa pela cozinha do hotel é deitada fora. Será então melhor ficar em casa?

 

Viajar é educação e defendemos a escolha de partir à aventura. Como viajantes de longo termo, sabemos que é possível reduzir a nossa pegada em viagem. Por isso, criamos o projeto No Footprint Nomads de forma a partilhar a nossa experiência e ajudar outros que queiram viajar de forma sustentável.

Porque me devo preocupar com o desperdício alimentar em viagem?

Viajar tem impacto. A forma como nos alimentamos em viagem tem repercussões na economia e ambiente locais. Lembra-te que é preciso terra, água, fertilizantes, mão-de-obra, transporte refrigeração até que a comida chegue ao teu prato. Em todos estes passos, há alimentos que se estragam, para não falar do resto que vai para o lixo porque não foi consumido. 

O que posso fazer?

. Menos olhos que barriga

Coloca no prato apenas o que vais comer. A tentação de empilhar a comida do pequeno-almoço incluído é grande mas o mais provável é ficares cheio demais para acabar tudo o que tens no prato. 

Pratica o hara hachi bu, um conceito japonês que ensina comer até te sentires 80% satisfeito. Para tal, o site Blue Zones recomenda comer devagar, focar no ato de comer, e utilizar pratos e copos mais pequenos. O corpo e o ambiente agradecem. 

. Leva o teu contentor take-away

Simples: leva contigo um contentor para quando fores comer fora. O que sobrar, podes pedir para levar. Evitas que a comida vá para o lixo e poupas no plástico da embalagem. 

Hoje em dia, levar as sobras para casa é chique. O que é vergonhoso é deixar comida boa estragar-se. No nosso site podes encontrar mais ideias em como reduzir o teu impacto ao comer fora

. Pensa local

Esta é a hora de te aventurares. Pesquisa as variedades locais e planeia ir a restaurantes que sirvam refeições tradicionais. 

Compra em mercados de rua ou contacta associações que promovam a venda de produtos da zona. Os grupos do Facebook são ótimos para encontrar estas iniciativas. 

Comer local reduz o desperdício na produção e transporte dos alimentos, apoia a agricultura e economia locais e é delicioso!  

. Escolhe bem onde ficar

A escolha do hotel ou do Airbnb é talvez a mais relevante na pegada ambiental da tua viagem. Pesquisa alojamentos verdes com uma política de redução do desperdício alimentar e do impacto ambiental. 

Optar por alojamentos que oferecem um menu vegetariano
ou rico em opções confecionadas com plantas também ajuda a reduzir a tua pegada. 

Hoje em dia, as opções são cada vez mais variadas e económicas. Procura o teu próximo alojamentos em sites como Book Different ou Eco BnB

 

Ajudar o ambiente nunca foi tão fácil. Com tanta informação e recursos disponíveis, só te resta dar o primeiro passo: começares a aplicar uma destas dicas na tua próxima viagem. 

 

Se ficaste inspirado e com vontade de aprender mais, pede já o nosso e-book com dicas de como viajar de forma sustentável (em Inglês). 

 

Boas viagens!

Add Your Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Top